Buscar
  • gtantiga

Nota de pesar pelo falecimento do Prof. Dr. Ricardo Mário Gonçalves





É com muito pesar que a coordenação do Grupo de Trabalho de História Antiga (GTHA) da Associação Nacional de História (ANPUH) comunica o falecimento do Prof. Dr. Ricardo Mário Gonçalves.


Ricardo Gonçalves se formou em História pela USP em 1964, lecionando neste curso entre 1965 e 1995. Trabalhou com histórias antigas e medievais da Ásia e com história das religiões. Em 1971 ele defendeu a tese “Considerações sobre o Culto a Amida no Japão Medieval: Um Exemplo de Consciência Histórica no Budismo Japonês”, orientada por Eurípedes Simões de Paula. Orientou 14 trabalhos de pós-graduação, com contribuições significativas para a área da História Antiga.


Dentro de sua relevante obra destacamos a coletânea “Textos Budistas e Zen-Budistas” (Cultrix, 1967/1995), a tese de livre docência “A ética budista e o espírito econômico do Japão” (Elevação, 2007) e os livros “O Caminho do Despertar: Uma Introdução ao Budismo” (Instituto Budista de Estudos Missionários, 1992) e “Quintino Bocaiúva, Nº 10: A Trajetória de uma Loja Maçônica Paulista (1923-1998)” (Arquivo do Estado de São Paulo, 1998).


Além de historiador e professor universitário, Ricardo Mário Gonçalves foi tradutor, pesquisador do Instituto Budista e Estudos Missionários e monge da Escola Shin Budista Terra Pura.


(Texto produzido com a colaboração do Professor Alex Degan - UFSC)

85 visualizações0 comentário