Buscar
  • gtantiga

Bárbara Alexandre Aniceto lança livro sobre gênero e comédia na Atenas clássica

Bárbara Alexandre Aniceto (doutoranda, UNESP-Franca) lança o livro "PELA ABSTINÊNCIA DO FALO:um estudo das esposas atenienses na Comédia Antiga".


Apresentação de Marina Regis Cavicchioli (docente, UFBA):


Os embates pelas igualdades de gênero estão longe de constituírem uma questão resolvida. Sabemos que os papéis sociais ocupados pelas mulheres representam construções culturais que, inúmeras vezes, nada tem de natural e, portanto, são passíveis de serem historicizados, assim como os modelos normativos que regem suas condutas podem, e devem, ser questionados. É desta forma que Bárbara Alexandre Aniceto, nesta obra, baseada nas teorias de gênero, faz uma minuciosa leitura das peças de Aristófanes protagonizadas por mulheres, Lisístrata, As Tesmoforiantes e Assembleia de Mulheres, juntamente com as personagens femininas das outras peças do mesmo comediógrafo. Discutindo a interpretação reducionista de que elas estavam ali presentes somente para fazer rir, a pesquisadora retira a comédia Aristofânica do lugar comum, apenas do risível, resgatando sua natureza irônica e de crítica social. A autora entende que papel ativo das representações femininas funcionava também como uma forma de denúncia política e social. Neste sentido, seu livro inclui uma apresentação do comediógrafo grego e sua carreira literária, contextualizando o momento histórico em que suas obras foram escritas e representadas, em meio à guerra do Peloponeso e as derrotas de Atenas, mostrando também como foram recebidas pelo público na época. Enfatizando o papel cívico e político do teatro na democracia ateniense, Bárbara Alexandre Aniceto incorpora-o como importante fonte de pesquisa para o estudo das relações entre o feminino e o masculino e a construção destas identidades, em sua pluralidade, no universo da polis grega, problematizando, sobretudo, o papel social da esposa legítima na Atenas Clássica.




18 visualizações